AS CONTRIBUIÇÕES DO ACOMPANHAMENTO PSICOPEDAGÓGICO NA EDUCAÇÃO SUPERIOR

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5281/zenodo.5658003

Palavras-chave:

Ensino Superior. Psicopedagogia. Acompanhamento Psicopedagógico.

Resumo

A psicopedagogia em instituição de ensino superior caracteriza-se por trabalho que permite mediar problemas no processo de ensino ao buscar melhorar as relações de aprendizagem, auxiliando no processo de adaptação e desenvolvimento da autonomia e outras dificuldades apresentadas pelos discentes no decorrer de sua formação acadêmica. O presente trabalho tem como objetivo analisar a importância do acompanhamento psicopedagógico em instituições de ensino superior no auxílio a problemas de adaptação e dificuldades de aprendizagem dos acadêmicos, compreendendo o contexto histórico da psicopedagogia no Brasil e as contribuições da psicopedagogia no processo de adaptação e da aprendizagem dos acadêmicos. O problema que buscou-se investigar foi: Quais as contribuições da psicopedagogia no processo de adaptação acadêmica e da aprendizagem com discentes na educação superior? A metodologia utilizada foi exploratório-descritiva e bibliográfica, de abordagem qualitativa. O estudo evidenciou que o atendimento psicopedagógico contribui no processo de aprendizagem, adaptação e permanência do acadêmico, o que contribui também para fortalecer a política de inclusão e democratização no acesso e permanência, com sucesso, dos ingressantes na educação superior. 

Biografia do Autor

Eunice Nóbrega Portela, Universidade de Brasília, UnB, DF, Brasil

[1] Doutora em Educação com ênfase em Psicologia Social pela Universidade de Brasília. Professora universitária. Administradora Educacional. Consultora Empresarial. Gestora. Pesquisadora.

Dirce Maria da Silva, Centro Universitário Unieuro, UNIEURO, Brasil

[2] Mestre em Direitos Humanos, Cidadania e Violência com ênfase em Políticas Públicas pelo Centro Universitário Euroamericano/DF. Professora universitária. Bacharel em Administração. Especialista em Gestão Pública e Negócios. Pesquisadora.

 

Referências

ALMEIDA, Franciele de; SILVA, Marita Bertassoni. Psicopedagogia para adultos - psicoandragogia: uma proposta de atendimento psicopedagógico para adolescentes e adultos jovens. RUBS, Curitiba, v.1, n.4, sup.1, p.46-48, out./dez. 2005.

ALMEIDA, Isabella Santos de. A importância de um psicopedagogo em uma instituição escolar. Universidade Cândido Mendes. Rio de Janeiro, 2010.

AZEVEDO, A. S. & FARIA, L. Motivação, sucesso e transição para o ensino superior. Psicologia, v.20, n.2, p.69-93, 2006.

BARBOSA, L. M. S. A Psicopedagogia no Âmbito da Instituição Escolar. In: A Leitura do Emergente e do Latente na Instituição Escolar. Curitiba: Expoente, 2001.

BERBEL, N.A.N. As metodologias ativas e a promoção da autonomia de estudantes. Semina: Ciências Sociais e Humanas, 2011. In: MELO, Renata dos Anjos. “A Educação Superior e as Metodologias Ativas de Ensino-aprendizagem: uma análise a partir da educação sociocomunitária. Americana: Centro Universitário Salesiano de São Paulo SP, 2017.

BISSOTO, Maria L. As metodologias ativas e suas correlações com os processos cognitivos humanos: implicações para o ensino de adultos; In: Anais..., IX EPEMM (Encontro Pedagógico do Ensino Médio Militar, 9). Campinas-SP, 2015 Disponível em: http://www.lo.unisal.br/sistemas/conise2015/anais/31_13500233_ID.pdf Acesso em: 01/11/2021.

BOSSA, Nádia Aparecida. A Psicopedagogia no Brasil: contribuições a partir da prática. Porto Alegre; Artes Médicas, 2000.

BORGES, Tiago Silva. ALENCAR, Gildélia. Metodologias Ativas na Promoção da Formação Crítica do Estudante: o uso das metodologias ativas como recurso didático na formação crítica do estudante do Ensino Superior. Cairu em Revista. Jul/Ago 2014, Ano 03, n° 04, p. 1 19-143.

BOGDAN, R. S.; BIKEN, S. Investigação qualitativa em educação: uma introdução à teoria e aos métodos. 12.ed. Porto: Porto, 2003.

CAVALCANTE & GAYO. Andragogia na educação: a Educação em Debate, Fortaleza, Ano 16, n° 27 e 28, p 31-50, 2005.

CARRARA, João Alfredo. Desenvolvimento e Aprendizagem: Uma revisão segundo Ausubel, Piaget e Vygotsky. 2004.

CASTRO, Emerson Luiz. AMORIM, Elaine Soares de. Psicopedagogia na Educação Superior: possibilidade ou necessidade? Belo Horizonte: Centro Universitário Newton Paiva, 2011. 64 p.

CERVO, A. L. BERVIAN, P. A. Metodologia científica. 5.ed. São Paulo: Prentice Hall, 2002.

DEMO, P. Introdução ao ensino da metodologia da ciência. 2.ed. São Paulo: Atlas, 1987.

FERRARI, Rosane de Fátima. CANCI, Adriana. Dificuldades de Aprendizagem no Ensino Superior. URI – Campus de Frederico Westphalen – RS, 2005.

GIL, A. C. Métodos e técnicas de pesquisa social. 5.ed. São Paulo: Atlas, 1999.

GOTTLIEB, B. H., Still, E., & Newby-Clark, I. R. (2007). Types and precipitants of growth and decline in emerging adulthood. Journal of Adolescent Research, 22, 132-155.

JOHNSON, Doris J. e MYKLEBUST, Helmer R. Distúrbios de Aprendizagem. 3. Ed. São Paulo: Pioneira, 198.

LAKATOS, E. M.; MARCONI, M. A. Metodologia do trabalho científico. 4.ed. São Paulo: Atlas, 1992.

MALUF, Angela Cristina Munhoz. Atendimento Psicopedagógico no Ensino Superior: Buscando Condições para Aprendizagem Significativa. 2008. IN: PINTO, Suelem. Psicopedagogia no Ensino Superior: Contribuições para o Desenvolvimento de Aprendizagens Significativas. João Pessoa: 2012.

NOGUEIRA, Cláudio Marques Martins. O processo de Escolha do curso Superior: análise sociológica de um momento crucial das trajetórias escolares. GT: Sociologia da Educação / nº 14 - UFMG, 2007.

QUINTANA, Mabel Sala. Psicopedagogia na universidade, uma necessidade, 2004. IN: PINTO, Suelem. Psicopedagogia no Ensino Superior: Contribuições para o Desenvolvimento de Aprendizagens Significativas. João Pessoa: 2012.

RICHARDSON, R. J. Pesquisa social: métodos e técnicas. 3. ed. São Paulo: Atlas, 1999

ROGERS, Carl. In: Tornar-se pessoa. São Paulo: Martins Fontes, 1988.

RONCAGLIO, Sônia Maria. A Relação Professor-Aluno na Educação Superior: a Influência da Gestão Educacional. Faculdade Evangélica do Paraná – FEPAR - Revista Psicologia, Ciência e Profissão, 2004, 24 (2), 100-111.

SAMPAIO, Simaia. Um pouco da história da psicopedagogia. Disponível em https://www.portaleducacao.com.br/conteudo/artigos/pedagogia/ponto-devista-psicopedagogia-contexto-conceito-e-atuacao/4382 Acessado em: Novembro de 2021.

SINAES – Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior: da concepção à regulamentação. 2ª ed., ampl. Brasília: Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, 2004.

TEIXEIRA, Marco Antônio Pereira et all. Adaptação à universidade em jovens calouros. Revista Brasileira da Associação Brasileira de Psicologia Escolar e Educacional (ABRAPEE). Volume 12, Número 1 – Janeiro/Junho, 2008. P. 185-202.

TRIVINOS, A. W. S. Introdução à pesquisa em ciências sociais. São Paulo: Atlas, 1987.

Downloads

Publicado

2021-11-09

Como Citar

Portela, E. N. ., & Silva, D. M. da . (2021). AS CONTRIBUIÇÕES DO ACOMPANHAMENTO PSICOPEDAGÓGICO NA EDUCAÇÃO SUPERIOR. Revista Coleta Científica, 5(10), 11–27. https://doi.org/10.5281/zenodo.5658003